Como Vibrar em Frequência Alta?

Métodos para mudar o estado de espírito alterando o estado de consciência e elevando a vibração

Se nossa consciência for fortemente positiva, nosso magnetismo também será positivo. Além disso, ele criará uma “zona de divisão” ao nosso redor, protegendo-nos de danos como um guarda-chuva na chuva.

Nós afetamos os outros pelo nosso magnetismo. Eles, do seu lado, com o seu magnetismo, nos afetam. É de vital importância compreender os princípios do magnetismo, como eles podem ser usados ​​para nosso benefício e para os outros, como se beneficiar do magnetismo dos outros e como nos proteger do magnetismo prejudicial de outras pessoas.

Satsanga (boa companhia) é quase tão importante no caminho espiritual como a própria meditação. Junte-se com mais pessoas espirituais. Feche as suas vibrações. Assim como você tira dos outros, você também dá amor e apreço em troca. Ao fechar o circuito de energia dessa maneira, você ajudará a fazer um aumento mútuo do magnetismo. (Para extrair os outros como uma esponja é esgotar sua energia sem aumentar a sua em qualquer sentido, porque sua energia só aumenta se você aumentar suas vibrações, nunca se permita baixar).

Um ímã humano negativo pode esgotar o poder de um íman positivo, se o último não prestar atenção, e especialmente se o magnetismo negativo for mais forte. Por outro lado, se o íman positivo for mais forte, não será profundamente afetado, especialmente se você prestar atenção e manter conscientemente um escudo magnético. Se for muito mais forte, pode até tornar o fluxo negativo da outra pessoa em um positivo. No entanto, aqui eu dou uma fervorosa sugestão: não arrisque seu próprio magnetismo em nome de todos.

Você crescerá espiritualmente mais rápido se tentar servir os outros. Não os sirva, no entanto, além da avaliação realista de sua própria força magnética.

Satsanga também é importante por outra razão: quando as pessoas com inclinação espiritual se reúnem, especialmente para a meditação, aumentam o magnetismo de todos os envolvidos. Yogananda chamou esse fenômeno de “a lei da troca magnética invisível”.

Existem formas de proteger-se do magnetismo negativo e também formas de desenvolver magnetismo positivo. Cuide ao proferir palavras e utilizar o poder espiritual para a gratificação do ego … sim, há palavras de poder (chamadas mantras) com as quais você pode afetar a realidade objetiva. Aprenda a mudar sua realidade explorando bons pensamentos e sentimentos, se elevando espiritualmente. Podemos  enviar pensamentos poderosos de nosso próprio centro espiritual para os centros espirituais de outras pessoas através da concentração. Nesses casos, há um efeito boomerang, o que você envia para o universo é o mesmo que você receberá dele, portanto muito cuidado. Esta ação deve ser para o seu bem-estar, e deve vir de altos estados de consciência. Cuidado, acima de tudo, de reavivar a ilusão em seu próprio subconsciente de que uma direção externa de energia é desejável.

Se você se deparar com influências negativas, aprenda como lidar com elas:

  1. Se essas influências vierem até você sem ser solicitado, lembre-se: Eles podem ter sido enviados para ajudá-lo a se tornar mais forte em você mesmo. Uma planta de estufa cresce maior e exuberante do que seus primos do exterior, sendo exposta ao vento, à chuva e ao frio, mas tem menos vigor. O que eu quero dizer então é que o magnetismo não deve fazer de você um covarde. Basta lembrar para ser prudente e elevar seu pensamento.
  2. Se você sabe que você estará exposto a vibrações tamásicas (escuras, pesadas), aproveite o tempo para meditar de antemão. Então, harmonize as vibrações do seu coração. Em seguida, emanar vibrações pacíficas conscientemente para o exterior, do seu centro do coração para o seu entorno. A energia humana possui dois modos de expressão; um deles é dar, o outro é receber ou absorver. Se você pode conscientemente entrar no modo de dar, você se encontrará muito menos afetado por influências externas, tanto boas como ruins.
  3. Cante mentalmente, de acordo com o sincero apelo do seu coração: por exemplo, “Eu sou leve “. Eu sou amor. Eu sou uma fonte de paz imperecível! “
  4. Elevar a energia do coração para o ponto médio entre as sobrancelhas. Sinta-se cercado e estreitado pela luz divina. Imagine uma luz entrando pelo seu terceiro olho e peça para que seus anjos te protejam e te iluminem.
  5. Na privacidade da sua sala de meditação, coloque os braços ao seu lado. Então, cantando mentalmente o OM, empurre-os pelos lados do corpo, palmas para cima, até que as palmas se juntem muito acima da cabeça. Mentalmente cria-se uma aura de luz que viaja para cima ao redor do seu corpo.

Para enviar seu comentário, preencha os campos abaixo:

Deixe uma resposta

*

Seja o primeiro a comentar!